O nascer do sol é um poema

girassol

Poemas escritos na terra com palavras de luz, emoção e amor…

O nascer do sol

O nascer do sol é um poema escrito na terra com palavras de luz, emoção e amor. (Debasish Mridha )

A sua beleza é uma força poderosa, capaz de transmitir calor às almas mais desanimadas. Inspira, energiza, renova, dá esperança…

A beleza não se vê, sente-se!…

beleza

O amor mais forte

O amor mais forte é aquele que é capaz de demonstrar a sua fragilidade.

Paulo Coelho

amor forte

O Universo, a energia e a Vida

Não existe nada mais sagrado e divino do que a vida
(Osho)

memórias

Desejos…

Porque é que, tantas vezes, não alcançamos aquilo que queremos?

Às vezes, basta um “retoque” transformador na pessoa que somos. Para alcançar o que queremos temos que ser a pessoa que está pronta a aceitar aquilo que nós tanto desejamos.

Às vezes, aquilo que tanto desejas está mesmo ali ao lado da pessoa em que és capaz de te transformar. Ali mesmo ao teu lado.

Então, entre o aqui e o ali, tu tens que fazer uma jornada de progresso, tens um desafio contigo próprio, tens um processo de transformação.

Talvez tenhas que ser mais sábio, mais forte, mais gentil.

Para obter aquilo que queremos, pensamos muitas vezes no esforço de obter isso mesmo, pensamos no caminho exterior, como se isso fosse suficiente.

Mas, se fosse possível vermos o futuro, vermos a nossa pessoa de mãos dadas com os desejos que queremos… se fosse possível ver além, veríamos ali outra pessoa que nós ainda não somos, saberíamos que os nossos desejos mais significativos nos chamam para um superior estado de existência.

Inspirado numa leitura de C. JoyBell C.

momento perfeito

O momento perfeito

Nunca fiques à espera do momento perfeito…
Avança para esse momento e…
torna-o perfeito!

caminho

“Quando começas a caminhar,
o caminho aparece.”
Rumi
Não tens que ver o caminho inteiro, ver o princípio e o fim,
saber a teoria toda, entender todos os “porquês”,
apenas tens que dar os primeiros passos.

Destino

A tua história não faz o teu destino.
O conceito que fazes de ti próprio, sim…
As tuas decisões, sim…
…tudo isso faz o teu destino.

Luz interior

Todos nós temos uma luz interior que está à espera, para nos guiar para casa. Às vezes, o Universo desliga todas as luzes, então não temos outra escolha senão encontrar a nossa própria luz.
(Rebecca Campbell)

luz interior

Coragem

“Enquanto suspiramos por uma vida sem dificuldades, devemos nos lembrar que o carvalho cresce forte através de ventos contrários e que os diamantes são formados sob pressão.” (Peter Marshall)
separador

A noite e o dia

A noite é para ver os sonhos…
…o dia é para os transformar em realidade.

mulher a sonhar

O vento que sopra

O vento que sopra é o mesmo para todos: às vezes são ventos de insucesso, outras vezes de oportunidades e, ainda outras vezes, ventos de mudança.

Assim sendo, não é o sopro do vento que determina o nosso destino, mas antes a forma como sabemos alinhar as nossas velas em cada momento. Isso é que vai dar o rumo à vida. (Jim Rohn)

Viver e arriscar

O hábito sistemático de evitar os riscos a todo o custo para não nos magoarmos pode ter um preço elevado. Pode-nos conduzir a uma vida bloqueada, sem sabor e sem cor.

“Nós só entenderemos o milagre da vida plenamente quando permitimos que o inesperado aconteça.”

Paulo Coelho

por-do-sol e baloiço

A beleza está em ti

A beleza de um pôr-do-sol, assim como a beleza dos outros está na forma como tu olhas e na forma como tu sentes.

Uma alma linda cria uma aura de cores brilhantes para si próprio e para aqueles em que toca.

Que idade tens?

Não podemos escolher o número de anos da nossa idade…
…mas podemos escolher o número de anos da nossa atitude perante a vida.

Volta a tua face para a Luz

Volta a tua face para a luz do sol e deixarás de ver a sombra. (Helen Keller)

As pessoas sentem

As pessoas podem ouvir as tuas palavras mas, acima de tudo, sentem as tuas atitudes.  (J. Maxwell)

Reflexo

A tua vida é um reflexo das tuas atitudes. Se não gostas da tua vida, primeiro, começa por mudar as tuas atitudes.

Amar o que se faz

Ao fazer aquilo que te dá gosto e que tu amas, consegues inspirar e despertar os corações dos outros.

tratar jardim

Ser capaz de amar as pessoas muito além de precisarmos delas.

Muito além do bem que nos possam fazer…

Amar apenas de olhos fechados.

separador

Verdadeiros amigos

Os verdadeiros amigos não te valorizam por aquilo que tu podes fazer por eles.
Os verdadeiros amigos simplesmente te valorizam.

Perdoar liberta

O perdão acontece quando reconheces que nunca houve nada para perdoar, apenas houve algo para compreender.

perdoar

Desprendimento

O desprendimento positivo de uma situação não é uma separação da vida. É antes um sentimento de paz íntima e de liberdade. É ter a consciência de que se pode ser feliz no caminho pelo qual se optou, não importa as circunstâncias em que se vive ou o que os outros pensam ou fazem.

liberdade

Fazer 100 amigos…

Fazer 100 amigos não é um milagre. O milagre é fazer um único amigo que fique ao teu lado mesmo quando centenas estiverem contra ti.

Pense menos…  Sinta mais…

Coloque os seus pensamentos a dormir, não permita que eles ensombrem o brilho da Lua no seu coração. Neste momento… não pense. Pare de pensar.
Somente a partir do coração é possível tocar o céu.
No seu coração existe uma vela pronta para ser acesa.
Na sua alma há um vazio pronto para ser preenchido.
Sente isso, não sente?
Livre-se de preocupações.
Quem criou a preocupação? E porque é que a criou?
Por que ficar preso quando a porta é tão larga e aberta? Já reparou nisso?

Acredite: a razão é importante mas o amor supera tudo!

(Inspirado em textos de Rumi)

Já deste o teu abraço hoje?

A melhor coisa acerca dos abraços é que quando dás um abraço….
…ainda ficas com uma quantidade infinita para dar mais.


Aqueles olhos

Não te encantes por uma pessoa, apenas pelos seus lindos olhos.

Encanta-te, acima de tudo, por aquela que alimenta a tua alma.

separador

Amigos verdadeiros

Há 2 coisas que nunca podes perseguir.
Elas acontecem naturalmente, quando vives a tua vida com alma e coração.

Amigos verdadeiros e um verdadeiro amor.

Coragem para dizer “adeus”

Há situações em que tens que ser suficientemente corajoso para dizer “adeus”. Quando o consegues, a vida faz chegar a ti um novo “olá”.

Dizer adeus

Almas gémeas

“As pessoas acham que uma alma gémea se ajusta na perfeição, e isso parece ser o ideal de todas as pessoas. Mas uma verdadeira alma gémea é um espelho, é alguém que mostra as limitações que a outra tem, é alguém que aponta, que chama a atenção para que o outro se aperceba de que há algo que deve mudar.

Um dos propósitos das almas gémeas é questionar a maneira de estar da outra pessoa, sacudi-la da sua zona de conforto, é rasgar um pouco o seu ego, mostrar-lhe os seus obstáculos, apegos e vícios, quebrar o seu coração para que uma nova luz possa entrar, deixar a outra pessoa tão inquieta que esta seja obrigada a repensar a sua vida, e em seguida, despertar para um novo caminho espiritual … ”

― Elizabeth Gilbert, Eat, Pray, Love

Amantes Lua Sol

A Lua e o Sol – O grande propósito de um amor

Esta noite, a Lua veio ter comigo e segredou-me:

“O Sol tem sido o meu amante fiel,
desde há milhões de anos.

Sempre que lhe ofereço o meu corpo,
uma luz brilhante brota do seu coração.

Milhares de pessoas notam a minha felicidade
e têm prazer em apontar a minha beleza.

E agora? É verdade que o nosso destino
é transformarmos-nos em luz?”

E eu respondi-lhe:

“Querida Lua, tens vivido um grande amor.

Agora, apenas precisas que este amor

te ensine o caminho para alcançares

aquilo que realmente és.”

Texto inspirado em Faithful Lover, de Hafiz

separador

Amor e apego

Tenta não confundir apegou com amor. Quando falamos de apego, falamos de medo e de dependência e, tudo isso, tem mais a ver com amor por ti próprio do que com amor pelo outro.
Amor sem apego é o amor mais puro porque não põe em jogo o que os outros te podem dar a ti, ainda que estejas carente e vazio.
Quando vives um amor autêntico, gostas de dar porque tu próprio já estás cheio.

(Yasmin Mogahed)

O amor é uma jaula?

Nem o amor é uma jaula, nem a liberdade é estar só.
O amor é a liberdade de voar acompanhado.
É deixar ser, sem possuir.

separador

A diferença entre o amor e a paixão

A paixão busca a felicidade no outro…
… o amor busca a felicidade do outro.

casal por do sol

O verdadeiro amor

O amor verdadeiro conhece-se, não por aquilo que exige mas antes por aquilo que oferece. (Jacinto Benavente)

Quando procuras o “teu amor”

O teu objetivo não deverá ser procurar amor, mas apenas encontrar, dentro de ti, as barreiras que construíste para o manteres “à distância”.
Rumi

Armadilhas que bloqueiam a vida

tristeza

São as escolhas que mostram quem somos e para onde vamos.

Dentro de nós temos forças espirituais importantes que nos impulsionam para a vida mas, muitas vezes, por opções precipitadas ou por influência de outros, sem querer, fazemos escolhas erradas.

Podemos arruinar a nossa vida com consequências que se estendem por vários anos. Anos que poderiam ser os melhores da nossa vida.

Quantas vezes já não pensaste “isto não está a funcionar” ou “existe algo de errado, “esta não é a vida que eu quero para mim” ou “eu tenho que fazer qualquer coisa”? Estes pensamentos vêm da tua voz interior intuitiva. É um alerta da tua essência espiritual.

Com base em dezenas de consultas, temos constatado que existem atitudes que afastam completamente as boas energias da vida e contrariam o sentido positivo que o Universo quer imprimir aos percursos de cada um. Aqui ficam algumas reflexões com que esperamos ajudar a consolidar formas de ser e fazer que conduzam ao crescimento e ao sucesso de uma existência.

7 armadilhas a evitar

 

 

Temos que ser aquilo que os outros esperam de nós – Muitas vezes, só muito tardiamente, as pessoas se dão conta que passaram largos anos da sua vida a tentar reproduzir vidas dos outros ou a tentar agradar e ir ao encontro das expectativas dos outros em relação a nós. O mais grave é que muitas vezes as pessoas não têm consciência disso. Desde crianças que somos encorajados a acreditar que a nossa vida deve de alguma forma cumprir as expectativas dos outros – que devemos encontrar a nossa felicidade exatamente como eles encontraram deles. Em vez de sermos ensinados a questionar e a aprofundar a nossa natureza íntima, somos treinados para aceitar o que é “melhor” para nós com padrões e objetivos que não nos dão prazer genuíno nem nos motivam verdadeiramente. E então, um dia, quando nos libertamos para pesquisar os nossos sonhos, vemos que, a maioria deles, ficaram perdidos no tempo porque acreditámos que o que realmente queríamos não era realizável e estava fora do nosso alcance. Ao nível inconsciente, criámos essas amarras limitadoras que nos cortaram as asas e levaramm comodamente a aceitar e a resignarmo-nos perante uma vida descontente.

Evita todo o desconforto, a todo o custo  – A maioria de nós não pretende passar por fases  desconfortáveis, por isso, todos corremos, constantemente, à procura do que é fácil, à procura de conforto e a evitar sacrifícios ou algo mais complicado. O problema com isso é que, ao fugir do desconforto, somos obrigados a ficarmos apenas com atividades dentro de uma muito pequena zona “doce e segura”. E uma vez que essas zonas seguras são relativamente limitadas, perdemos muitas experiências significativas e mais saudáveis ​​da vida. Ficamos cada vez mais presos num ciclo medíocre de vivências. Por exemplo: adotar um regime alimentar equilibrado, cumprir um horário de sono suficiente, evitar entretenimentos doentios, persistir num programa saudável de exercício físico, estudar e prosseguir um curso, controlar os gastos em compras, podem implicar algum sacrifício porque são rotinas que implicam disciplina, vontade e firmeza, mas o resultado é, seguramente, bom. Pelo contrário, fugir a todas as situações mais “dolorosas” vai conduzir, mais tarde, a situações muito mais amargas e desconfortáveis, e às vezes, sem retorno.

 

Espera, espera… espera um pouco mais para um milagre acontecer – A inspiração e os milagres existem, mas devem ser desencadeados por uma ação diária dedicada, nem que seja um pequeno passo. Muitas vezes, a diferença entre uma pessoa bem-sucedida, que está satisfeita com os resultados da vida, e uma pessoa que luta para progredir, não são as qualificações ou ideias superiores, mas a coragem de avançar nas idéias, assumir riscos calculados e dar pequenos passos consistentes. Há pessoas com ideias verdadeiramente fascinantes mas que são incapazes de se levantar da cadeira e fazer alguma coisa. E ainda a agravar, é que enquanto se espera, sofre-se. Esperamos que alguém ligue para o nosso número ou nos escreva para o email e nos diga que chegou a nossa hora ou nos dê a resposta mágica que precisávamos. Lembra-te: A maior parte das respostas estão dentro de ti e as pernas para andar também têm que ser as tuas!

Acredita que há coisas que nunca vais ser capaz de fazer – Pensa em algo da tua vida que achas impossível conseguir. Qualquer coisa que entendes dificílimo. Pode ser sobre qualquer parte da tua vida que gostarias de mudar – a saúde, o peso, a carreira, os relacionamentos – qualquer coisa. Agora quero que voltes muito atrás na reta do tempo e lembra um episódio, um momento, uma pequena coisa que aconteceu exatamente ao contrário. Algo que tu achaste ser impensável e conseguiste, aconteceu. Pode ter sido algo minúsculo mas foste capaz de dizer: “Fui eu que fiz isto? Fui capaz. Deu certo. Consegui!”. Este exercício é bom para nunca perderes de vista as tuas pequenas vitórias ao longo da vida e para identificares as fragilidades de certas crenças limitadoras que podes ir “atacando” dia-a-dia. Põe-te à prova, desafia-te para ires adquirindo confiança e derrubares ideias feitas sobre as tuas supostas limitações.

Evita a todo o custo dizer coisas que estejam erradas – Se nunca quiseres arriscar dizer nada “errado” também nunca vais contribuir com nada teu, nunca vais enriquecer nada com os teus pontos de vista. Vais ficar um ser anónimo e mudo… Errar é próprio de cada ser humano. Admitir esses erros mostra que tens capacidade para aprender, e que estás a crescer, a tornar-te forte e cada vez mais sábio. Estar errado e as coisas não acontecerem como estavas à espera, às vezes, pode ser um maravilhoso golpe de sorte, porque isso força-te a reavaliar a situação e a dares saltos qualitativos nas futuras decisões e opções da tua vida.

Não vale a pena aprender mais coisas novas – Como Mahatma Gandhi disse uma vez, “Viva como se fosse morrer amanhã. Aprenda como se fosse viver para sempre. “A vida é uma aventura surpreendente sem limites, é um livro grande, não leias apenas as primeiras páginas, lê o livro todo. Sair para o “lado de fora”, correr riscos calculados, faz-te crescer e ficar mais forte e capaz. Aprende a conviver com muitas circunstâncias da vida, a abrir o teu coração e a tua mente a novas idéias, a desafios e a experiências e, mesmo assim, a manter e a defender firmemente os teus valores pessoais. Isso dá-te uma visão mais ampla da vida e robustece a tua personalidade. Descobrirás e experimentarás muito mais da magia da vida.

Deixa os outros falar e não contraries ninguém – Tens todo o direito de falar e deixar que teus pensamentos sejam ouvidos. As pessoas nunca saberão o que realmente sentes ou pensas, a menos que lhes digas. Isto acontece em muitas situações de trabalho e de relacionamentos. O teu chefe não adivinha que para além do trabalho que te dá ainda ajudas o trabalho dos colegas.  Um determinado rapaz bonito com quem nunca conversaste porque é tímido? Sim, talvez tenhas que facilitar algum diálogo. Na vida, tens que comunicar. Dizer o que sentes, o que precisas e, até às vezes, arriscar, ter a iniciativa de dizer as primeiras palavras. Tens que dizer às pessoas o que pensas sem medo de ter uma reação oposta à tua. Quem sabes, podes ter uma surpresa porque ninguém vai levar a mal. A maioria das pessoas gostam de pessoas diretas – é muito mais fácil lidar com pessoas assim.

árvore da vida